Life Style | Reviews | Viagens

Saiba como receber uma compensação de um voo atrasado!!!

4 Agosto, 2018 IT'S A SWIISSYY © • 2018

Alô Pessoal,

Hoje trago-vos um post um pouco diferente do habitual que tenho publicado até hoje. Uma história real, que vale a pena ser partilhada, e que, espero eu, vos venha a ajudar no futuro.

Em 2016 eu e o meu namorado decidimos ir visitar uma amiga nossa à Áustria.

avião

Seria a primeira vez para ambos nesse lindo país. Assim que decidimos ir, começámos logo a planear a nossa viagem. Tínhamos de planear ao detalhe o que iríamos visitar, pois o tempo na Áustria seria muito pouco e havia muito para ver. Como a nossa viagem estava programada na época natalícia, muito do que iríamos visitar estaria relacionado com a época. E posso dizer que Áustria tem um “calor” por essa época como raramente tinha visto. A nossa amiga também se esforçou muito em nos mostrar as maiores tradições da época. Assim, tivemos oportunidade de assistir ao “Perchtenlauf”, um desfile de uma espécie de “Caretos”. Esse tipo de desfile é à noite e posso dizer que para assistir a um desfile destes, deve de se ir bem equipados com roupa quente e uma boa protecção de pernas!! 🙂 🙂 🙂

No dia seguinte fomos visitar o Forte de Salzburgo e o mais famoso mercado de natal da Europa. Para “aquecer os ossos” depois de passar o dia inteiro ao frio, fomos a uma Cervejaria para jantar onde pudemos beber cerveja austríaca mas também provar os seus pratos mais típicos.

 

salzburg

Tenho a dizer que, em relação ao pouco tempo de férias que tivemos, a nossa amiga fez os possíveis e impossíveis para tornar esses dias memoráveis.

Até ao dia da nossa partida tinha corrido tudo como planeado. Até a nossa bagagem não aumentou muito de peso 😉 😉 😉 Chegamos mais do que a horas ao aeroporto e tivemos tempo para relaxar antes do regresso a casa.

Foi no momento do embarque que nos caiu tudo aos pés. Surgiu um problema técnico no avião que nos provocou um atraso de cerca de 4 horas!!! O que iríamos fazer? Como iríamos passar o tempo? Bem, estas foram as 4 horas mais longas de todas as nossas férias. Estas 4 horas deram para conhecer o aeroporto de uma ponta à outra, e há que ter em consideração de que o aeroporto não era grande.

Bem, passadas as 4 horas de espera, lá conseguimos finalmente embarcar, e passadas mais 3 horas, finalmente estávamos em Faro, são e salvos.

Passados alguns meses, tivemos a sorte de nos cruzarmos com algo que prometeu compensar-nos pelas 4 horas que tivemos “presos” num aeroporto na Alemanha!

AIRHELP!!

airhelp.jpg

A AirHelp prometia compensar-nos monetariamente pelo tempo de atraso no nosso voo. E o melhor, é que eles defendem voos atrasados nos passados 3 anos. Eles prometem defender as compensações directamente com as companhias, sem stress nem complicações para nós clientes. Eles até nos vão representar em tribunal, caso seja necessário. Bem, o que eu sei é que nós nesse momento depositamos todas as esperanças na AirHelp e foi assim que estabelecemos o primeiro contacto com eles para ver se conseguíamos obter a compensação monetária que deveria ser nossa por direito.

No primeiro contacto tivemos de fornecer todos os nossos dados bem como todos os detalhes do voo que nos causou problemas. De onde partiu, hora prevista de chegada, hora efectiva de chegada, motivo do atraso, etc. Feito esse contacto, eles responderam-nos passado apenas alguns dias a informar de que o nosso processo tinha todas as condições para avançar e que eles iriam entrar em contacto com a companhia aérea.

Com tudo a decorrer e nós à espera de novidades todos dias, passado algum tempo a AirHelp contactou-nos novamente, mas infelizmente não foi com as melhores notícias…

A companhia aérea rejeitou o

pagamento da nossa compensação!!!

Mal tal não foi motivo para desanimar, apenas significava que o nosso processo iria demorar mais algum tempo. O que havia a fazer agora era assinar uma procuração para a AirHelp nos poder representar em tribunal

Esse mais algum tempo, foi quase um ano, mas durante o tempo de espera, a AirHelp estabeleceu sempre contacto connosco a informar que estavam a trabalhar no nosso processo e que dariam novidades o mais breve possível.

Para nossa alegria, a nossa espera acabou há pouco tempo. Sem estarmos à espera, recebemos um e-mail a avisar que finalmente tinham conseguido, que estava tudo tratado, tinham ganho o processo contra a nossa companhia aérea, que já tinham o valor da nossa compensação e que estava tudo pronto para nos devolver o que era nosso por direito. Foi apenas necessário enviar o nosso NIB e passados 4 a 5 dias, o nosso dinheiro estava na nossa conta bancária.

Tenho a dizer que sem a AirHelp, tal nunca tinha sido possível!! Tenho também a dizer que ficamos realmente surpreendidos com o tipo de serviço que esta empresa presta que, caso seja necessário voltaremos a contactá-los sem pensar duas vezes.

Quando é que podemos contactar a AirHelp???

“A UE tem uma legislação relativa aos direitos do passageiro aéreo, a qual se designa Regulamento (CE) n.° 261/2004 do Parlamento Europeu e do Conselho, de 11 de Fevereiro de 2004. Esta lei europeia que obriga as companhias aéreas a compensar os passageiros por atrasos prolongados, cancelamentos e voos sobre lotados. Os passageiros de voos da UE elegíveis ao abrigo desta lei devem receber uma compensação até 600€ por atrasos nos voos superiores a 3 horas.”

∴ Atraso ou cancelamento de voos na UE: Se tiver um voo na União Europeia aqui está o que fazer quando o voo for adiado:

1. Guardar bem o cartão de embarque e quaisquer outros documentos de viagem.

2. Perguntar pela razão do voo estar atrasado.

3. Tomar nota da hora de chegada ao destino final.

4. Pedir à companhia aérea que pague as refeições e as bebidas.

5. Não assinar nada, nem aceitar quaisquer ofertas que possam renunciar os vossos direitos.

6. Optar por esperar pelo voo ou cancelá-lo, caso o atraso exceda as 5 horas.

7. Pedir à companhia aérea que forneça um quarto de hotel.

8. Guardar os recibos no caso de haver necessidade de gastar algum dinheiro extra.

9. Verificar se o voo é elegível para solicitar uma compensação.

Embarque recusado em voos na UE:

1. Não se voluntariar para desistir do assento em troca de vouchers ou benefícios.

2. Guardar bem o cartão de embarque e quaisquer outros documentos de viagem.

3. Perguntar por que razão negara o embarque.

4. Solicitar um voo alternativo com o mesmo destino.

5. Pedir à companhia aérea que pague as refeições e as bebidas.

6. Não assinar nada, nem aceitar quaisquer ofertas que possam renunciar os vossos direitos

7. Pedir à companhia aérea que forneça um quarto de hotel.

8. Guardar os recibos no caso de haver necessidade de gastar algum dinheiro extra.

9. Verificar se o voo é elegível para solicitar uma compensação.

∴ Bagagem danificada na UE e em voos internacionais:

1. Guardar bem o cartão de embarque e quaisquer outros documentos de viagem.

2. Comunicar os danos o mias breve possível.

3. Preencher o formulário de reclamação de bagagem ou o Relatório de Irregularidade de Propriedade (PIR)

4. Apresentar as malas para inspecção para que possam ser reparadas ou substituídas.

5. Apresentar uma reclamação junto da companhia aérea pelos artigos danificados nas malas.

∴ Bagagem atrasada na UE e em voos internacionais:

1. Guardar bem o cartão de embarque e quaisquer outros documentos de viagem.

2. Comunicar o quanto antes à companhia aérea que as malas não apareceram.

3. Preencher o Relatório de Irregularidade de Propriedade.

4. Acompanhar o trajecto da bagagem usando o nº de referência.

5. Guardar os recibos no caso de ter de substituir artigos necessários.

6. Apresentar uma reclamação junto da companhia aérea assim que a bagagem aparecer.

∴ Bagagem perdida na UE e em voos internacionais:

1. Guardar o nº de referência, o qual foi fornecido pela companhia aérea.

2. Guardar os recibos se tiver de substituir itens necessários.

3. Fazer uma lista detalhada do conteúdo da bagagem perdida.

4. Apresentar uma reclamação junto da companhia aérea para obter uma compensação.

∴ Perda de voos de ligação em voos na UE:

1. Certificar de que todos os voos estão incluídos na mesma referência da reserva e não foram adquiridos individualmente.

2. Verificar se o atraso na chegada ao destino final foi superior a 3 horas.

3. Perguntar qual a razão do atraso.

4. Utilizar a ferramenta gratuita de verificação de elegibilidade de compensação e ver se a perda do voo de ligação tem direito a compensação.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.